Este blog não foi criado para quem já fechou as persianas de sua mente e cuidadosamente as fixou para que nenhum filete de luz de novas idéias penetre e perturbe sua sonolenta e estagnante zona de conforto. Este blog é para os poucos que querem entrar na terra firme da experiência direta por não verem outro caminho mais seguro a tomar.

14 fevereiro 2017

Paranoia iniciática


Pescou a cena?... O guru coloca uma mensagem em SEU PULSO, que representa sua REVERBERAÇÃO DO SOPRO. Essa mensagem fica presa, não descola mais... Aparentemente, o mestre lhe coloca numa roubada: destrói seu mundinho eufórico, mas, na realidade, ele lhe proporciona o caminho da LUCY (Iluminação)... da primeira mulher não condicionada pelo sistema.... a mente natural. Ele vai levá-lo até a sua origem... até você perceber que você e Deus são UM... Até sua personagem SE DESFAZER EM CINZAS no laboratório da observação....

11 fevereiro 2017

Fragmentos sobre o pânico na madrugada

O que é meditação?


— Tudo que te aproxima da realidade, é uma forma de meditação.

A meditação não pode ser organizada. Cada um vai descobrindo sua metodologia, no entanto, ela é algo que lhe produz aquietamento e compreensão da realidade dos fatos. Quanto mais vamos colocando a casa em ordem (processo de ordenação), mais vamos naturalmente apaziguando a consciência que somos e a meditação passa a ser um estado de quietude contemplativa, uma forma de desfrute das situações de forma TOTALMENTE IMPESSOAL .

A meditação inicialmente é uma prática forçosa, mas, com o amadurecimento do Espírito, a meditação passa a ser o nosso estado natural de ser.

Passamos a ser integrativa contemplação atemporal.

Antes da crise iniciática, a meditação sempre esteve focada na busca de situações externas; com a desenvoltura do processo, a meditação passa a ser a busca do retorno de nosso estado de ser incondicionado.

— E a questão da prática do jejum?

— O jejum é mental e emocional; se o jejum for mental e emocional, naturalmente, ocorrerá o jejum físico sem esforço.

— O apetite vai embora.

— O falso apetite vai embora; o apetite de sua natureza real, permanece.

Outsider

Do desejo de ter ao desejo que Deus seja

Gostou? Então compartilhe!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Escolho meus amigos pela pupila

Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila. Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.

A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos. Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo. Deles não quero resposta, quero meu avesso. Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.

Para isso, só sendo louco! Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.

Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta. Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria. Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto. Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade. Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.

Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça. Não quero amigos adultos nem chatos. Quero-os metade infância e outra metade velhice! Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa. Tenho amigos para saber quem eu sou. Pois ao vê-los loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que a "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril.

Oscar Wilde

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU! JUNTE-SE À NÓS!